A vaca foi pro brejo e atolou…

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

 

Quando pensei em falar sobre meu momento, na hora lembrei dessa parte da música Verão em Calcutá, do Nei Lisboa.

Bem isso, a vaca foi pro brejo e atolou!

Andava passando muito mal sempre que comia fora de casa ou algo diferente. Pensávamos que era a vesícula, e assim fui postergando a cirurgia (pensa numa pessoa que foge do hospital… Essa sou eu).

Mas depois de passar mal desde o dia 8 de dezembro, de vários exames e consultas, uma ultrassom foi pedida e descoberto o problema. Esteatose hepática grau 3, ou seja, gordura em excesso no fígado.

Nunca iríamos imaginar tal coisa, porque meus exames sempre mostraram o colesterol e os triglicerídeos excelentes, ainda mais por se tratar de uma pessoa diabética. Mas estava lá, o fígado, enoooooooorme e todo gorduroso.

O médico que me acompanha disse que não vai operar a vesícula, que tem um cálculo mínimo de 5mm,  que está solto, saltitando para lá e para cá, até eu passar por uma junta médica, num centro de referência para avaliar meu caso.

Então, como vou a Porto Alegre somente em março, comecei a dieta sem carboidratos para dar uma limpada no tal do “figo”, coisa de gente grande. Já que as alternativas de tratamento que andei pesquisando não me agradam, o negócio é encontrar alternativas viáveis.

Em cinco dias de dieta já desinchei bastante, estou com maior energia e não me sinto mais tão mal quando como. Porque vou te contar, estava difícil até comer uma canja, tudo me fazia virar do avesso. Agora não, ainda estou na fase de adaptação, não passo fome e como bem, de forma equilibrada e saudável. Ainda tenho cansaço, mas esse sintoma reduziu muito.

Estou trabalhando, mas quando estou em casa, passo o tempo todo descansando, por conta do mal estar. Quem tem preparado todas as refeições é Mestre Branco e azul, ele sabe tudo o que posso comer e assim não caio em tentações.

Quanto as atividades físicas, na primeira semana de dieta não é recomendado, mas como estou indo para a segunda semana, na próxima segunda-feira, iniciaremos dança de salão, eu e meu amor.

Em suma é isso, estou me resguardando e acumulando energia para o que virá e para resolver de forma definitiva esse problema antes que vire uma cirrose hepática, e olha que eu estava quase lá, ainda bem que descobri a tempo.

E eu que dizia que nunca conseguiria fazer uma dieta low carb, estou tendo que rever meus conceitos, porque não digo que está sendo uma maravilha, mas com certeza,  hoje afirmo, é possível!

207761_547739808587503_1287242323_n

Exemplo de refeição possível: salada de alface e tomate, aspargos, abobrinha assada com sal e ervas, creme de alho e lombinho de  tilápia assado.

 

P.S.¹: Quer ouvir a música do Nei Lisboa, clica aqui!

P.S.²: Não como, mas sonho com carboidratos a noite toda, são bolos, tortas e pães que me levam a loucura, rs.

13 comentários:

Francine Borges - Ana Carolina Borges postou o comentário de número:

Ixi querida é com saúde a gente não brinca...força na sua dieta e na recuperação e estou torcendo pra que você melhore rapidinho...se cuida hein...bom fim de semana...beijinho...Fica com nosso Papai do Céu...

Francine

Neli Rodrigues postou o comentário de número:

Mais esta, minha amiga?
Mas vc vai conseguir superar.
Seu prato ficou lindo, mesmo sem carboidratos, deu água na boca.
Eu tb tenho evitado ao máximo os carboidratos e não tenho ficado tão desesperada como eu achava que ia ficar.
Bjs

Coisas de Ceci postou o comentário de número:

Cissa, não sabia que seu problema era gordura no figado! Tinha lido suas postagens sobre o mal estar mas pensei quer pela diabetes. Nos momentos de baixo astral lembra que seu caso pode ser minimizado com a dieta não sendo necessário cirurgia ou dependência com mais um remédio. Força garota !

Alessandra postou o comentário de número:

Boa tarde como vai vc ? espero que bem
esto fazendo uma visita no seu cantinho e
aproveitando para convidar vc para o meu
blog da uma passadinha por lá
até mais

Cris postou o comentário de número:

Cissa, vai dar tudo certo! A dieta vai fazer bem, minha mãe tb tem isso e fez uma dieta tempos atrás. Hoje em dia ela sai um pouco da dieta às vezes, nada que vá prejudicar, é apenas uma outra forma de escolher direito a alimentação, uma reeducação. Ela toma medicamento tb que ajuda a reduzir a gordura e muita, muita água! Não toda de uma vez, mas ela tem o compromisso de beber pelo menos 2,5 litros por dia, pouco de cada vez.

Se cuida, viu? Mestre Azul e Branco sabe direitinho o que está fazendo! Bençãos pra todos vocês! Bjuss!

Luci Hora postou o comentário de número:

A coisa mais importante é a saúde. Cuide-se, viu? Tudo é possível pra ficarmos bem! :D

Márcia Balz postou o comentário de número:

E bem assim, o corpo disse basta. Que bom que tu está respeitando a vontade dele. Como tu sabes sou obesa,fumante, sedentária,pré diabética e teimosa. Tô esperando meu corpo gritar comigo prá parar de judiar dele. Quero que fiques muito bem com o teu corpo prá me dar força quando eu precisar. Passar o verão em Calcutá é o "Ó" mas só vou poder reclamar se estiver viva. Beijão! Tô te esperando !

Lola postou o comentário de número:

Poxa Cissa...tome cuidado porque gordura no fígado é perigoso. Ele trabalha demais e pode pifar viu??
Bjs

Marion postou o comentário de número:

Ah, nossa... o corpo prega cada peça, hem? Te cuida, querida - aliás, continua te cuidando. Muito bom! E, em março, a gente continua a dieta aqui, tá bem? Abs.

Luciana Aragão postou o comentário de número:

Nossa...fígado é um perigo mesmo.
Ainda bem que vc tem um mestre que sabe de tudo que precisas e cuida de ti!
bjs

Neli Alves postou o comentário de número:

Toda enfermidade, quando descoberta no início é mais fácil de tratar e fazer dieta parece um bicho de sete cabeças, mas a gente acaba acostumando e daqui a pouco vocE vai amar essas coisas saudáveis. Experiência própria.
Cuide-se bem. Bjks. \neli

Sandra postou o comentário de número:

eita Cintia que agora a casa caiu! Brincadeira a parte, acho que o importante é você ter identificado o problema e estar tratando dele, se cuidando. Vale muito a pena se cuidar, como você mesmo já constatou. Continua se cuidando e conta com os amigos, mesmo os virtuais, pra botar pra fora as neuras.

Beijo, querida, que 2013 seja um ano incrível, com muita saúde, amor e paz pra você e os seus.

Luciana. postou o comentário de número:

Que bom que vc descobriu logo, eu nunca tinha ouvido falar nessa doença.
Estarei orando por ti.
E feliz demais que vc vem para POA em março, quero muito te conhecer.
Bjos, Lú.

Você co
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...