Mudança... Mudanças... E mais mudanças...

domingo, 11 de julho de 2010



Nem eu estou me reconhecendo nos últimos posts. Tudo tão rapidinho. Só de  passagem.


Ficar sem empregada, acaba comigo.


Na sexta-feira  a tarde, depois de levar o filhote ao médico, resolvi dar um basta na questão que há tempos me incomodava, a escola do meu pequeno. 

Já comentei aqui que a formação religiosa que meu filho estava recebendo na escola, embora essa não fosse religiosa, me incomodava muito.  A forma como a culpa e o medo eram usados de forma arbitrária, fazia com que ele enfrentasse problemas em lidar com as coisas. Então, seguindo conselhos médicos, resolvi trocar de escola.


Levei-o até a nova escola  (que é uma escola católica, mas que tendo como função a formação religiosa, o faz de forma muito mais suave e tranqüila, sem exageros e sem lavagem cerebral, que era o que vinha acontecendo na antiga escola)  e ele simplesmente adorou.


Vai continuar estudando pela manhã e irá trabalhar com o projeto dos coelhos. Na realidade, foram os coelhos que o conquistaram.

Tudo tranqüilo, bem explicado, sem culpas e traumas. 


Fico triste porque gosto da equipe da antiga escola, mas estava difícil lidar com tudo o que vinha acontecendo com meu guri.


Parece incoerente ter problemas com formação religiosa e procurar abrigo logo numa escola católica, mas não é. 

Se é para meu filho ter uma formação religiosa na escola, que pelo menos seja numa escola com esse preceito, não a partir de uma mente conflituosa de alguma recém convertida, que prega que qualquer diferença no pensar é algo do mal.


Só quero que meu filho aprenda que qualquer religião tem o seu valor e deve ser respeitada, independente de ser ou não a sua. Quero o respeito e a tolerância. Será que estou sendo radical?


 P.S¹: E as novidades não param por aí, mas amanhã conto mais.

P.S²: Passei o domingo inteiro com febre. Minha mãe disse que é porque eu fiz uma faxina de 10 horas na cozinha, e como não estou acostumada  e com o problema da coluna, o corpo reclamou.  Mas pelo menos a cozinha ficou brilhando. Vim carregada para a cama, por causa da coluna, mas a cozinha ficou um brinco.

P.S³: Você sabia que se você sentir dor, tomar o remédio, e continuar trabalhando, a dor desaparece? Porém, no outro dia você não se mexe... Descobri da pior maneira possível.


13 comentários:

*Ronilda *Reis postou o comentário de número:

Oi Cintia! na minha opinião, vc fez certo em trocar de escola. Seu filho ainda é pequeno e é de pequeno que se aprende a respeitar as diversidades. Deus é um só, apesar de alguns religiosos acharem que existe um Deus que castiga se se fizer ou deixar de fazer algo. Fica tranquila, vc não foi radical! Fica com o nosso bondoso Deus e cuida dessa coluna! bjimmm

Cíntia postou o comentário de número:

Cíntia,legal sua visão sobre religião.Eu vivo uma eterna busca espiritual amiga, questiono demais e até parei de ler sobre o assunto porque estava enlouquecendo,mas isso é outro papo.
Amiga, 10 horas de faxina é para entortar a pessoa mesmo!Que horror!!Eu preciso criar coragem para fazer isso por aqui tbm, férias para colocar a casa em ordem afeeee e depois fico com problemas na coluna tbm :(
Cuide-de, beijosss

Marina Mott postou o comentário de número:

Escola é coisa muito séria! Nossos filhos passam metade da infância nela. Tem que ter um mínimo de coerência com o nosso pensar! Fez muitíssimo bem!
Amiga, eu estou sem empregada, no escritório de dia e na casa e nas encomendas de doces no resto. Não é fácil, né? Mas, não exagera! Se cuida!!

Elaine Canha postou o comentário de número:

Aprovo sua decisão. Li esta semana o livro "o Historiador" de Kostova. Em um trecho, o antagonista diz que o mal se aperfeiçoou ao longo dos séculos, enquanto o bem permanece parado. Devemos buscar difundir o amor, a tolerância e o respeito entre os povos num mundo que a casa dia parece que fica mais mau.

Beijos

Priscyla Rodrigues postou o comentário de número:

Oi Cintia... Complicado mesmo essa questão da escola do filhote... Tem lugares que tratam e ensinam a religião de uma forma equivocada, por vezes fanática, doentia...

E essa faxina hein... Q disposição!!! 10 horas não são pra qualquer um... rs

Bjoks

Boa semana!!!

Fer postou o comentário de número:

Cintia, educar um filho é tão difícil e se ele tiver numa escola que desvirtua a relação das crianças com Deus não ajuda nem um pouco, né?
Acho que você teve uma atitude iluminada :D já que a religião auxilia no processo de "domesticação" das pessoas... (quem teme a Deus evita fazer o mal)
Qt a faxinha... menina, cuidado com a sua saúde!!!
Bjão

Mirella.. postou o comentário de número:

feez uma otima troca Cintia, tenho certeza, vai ser bom pra todo mundo e ele logo se acustuma tbmm!! você me pediu o site e aqui está http://montesuacasa.com.br/ ..obriigada pelo parabéns e quem sabe ano qe vem nesta data eu já esteje na minha casinha né? hehe boa semanaa, beeijo :*

GIL postou o comentário de número:

Que bom, sei do que fala, fiz a mesma coisa com meu filho, não sei no seu caso, mas corte de cabelos impecável, sem um gloss para adolescentes, acredito ser a mesma situação, não me arrependo e vc com certeza, não vai se arrepender....bjks...com carinho....Gil

Ana Maria ( Jeito de Casa ) postou o comentário de número:

oi Cintia

Gostei muito de como vc lidou com a questão da escola!!!
trabalhos domesticos acabam coma coluna sim, sei bem disso...
e por último vim agradecer o recadinho pelo meu aniversario, fiquei muito feliz!!!

bjocas e boas melhoras!!!

Bárbara Rezende postou o comentário de número:

AMIGA CORRETÍSSIMO EM TROCAR O FILHOTE. ESCOLA É COISA SERIA... E SE VC NÃO SE SENTIA BEM IMAGINE ELE!!

BJKSSSSSSSSS

PS imitando-a-Cí: ESTAVA SEM NET NO FINDI POR ISSO NÃO TE VISITEI ANTES!!!

Carla postou o comentário de número:

Olá Cintia,
Esta é uma preocupação muito comum a todas nós, é muito complicado pois estamos querendo acertar sempre,você fez muito bem em trocar de escola pois a base e a formação é tudo na vida de uma criança, portanto é melhor que seja em um lugar que traga alegrias e boas recordações, com firmeza e com muita bondade.
Beijos, valeu seu carinho no meu aniversário e sua torcida no sorteio.
Carla

Cantinhodoarco-iris postou o comentário de número:

Olá Cíntia, tudo bem?
Realmente religião tem que ser tratado de forma que não se torne uma coisa fanática, mas você fez a coisa certa trocar de escola..........espero que tudo isso ja tenha sido resolvido.......tenha uma ótima semana...
Beijos....
Silvia Mingardi
PS: Me tornei seguidora, visite o meu cantinho

Drinha... postou o comentário de número:

Eu acho q vc agiu certo com seu filho...
Agora fazer uma faxina de 10 horas na cozinha ninguém merece!!!! Se cuida amiga!!!!

Você co
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...